quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Bocha em Cadeira de Rodas terá cancha adaptada em Porto Alegre

Mais uma vez Porto Alegre será pioneira na prática de mais uma modalidade para-desportiva, para pessoas usuárias de cadeira de rodas.
A prática da Bocha em Cadeira de Rodas já acontece aqui em nosso estado, mas no dia 18 de dezembro, ás 10h, será inaugurada a primeira cancha de Bocha em Cadeira de Rodas aqui em Porto Alegre, pensada e projetada para pessoas em cadeira de rodas.
A Asasepode, já é referencia na Esgrima em Cadeira de Rodas, com medalhas na Paraolimpíada em Londres, no Mundial, Regional das Américas no Canadá e no Campeonato Brasileiro, e referencia também no Tiro Paraolímpico, com medalhas em mundial, e brasileiro.
Será um momento impar, pois a nossa cidade terá uma cancha totalmente inclusiva, onde pessoas com ou sem deficiência poderão jogar bocha.







segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Campeonato Estadual de Bocha em Cadeira de Rodas - RS

O 2º  Campeonato Estadual de Bocha em Cadeira de Rodas aconteceu sábado dia 21/11/2105, na cidade de Carlos Barbosa distante 109 km da capital gaúcha. A primeira competição aconteceu na cidade de Bom Retido do Sul em 2011, e agora na 5º competição retorna novamente para Carlos Barbosa.
Com 17 atletas em cadeira de rodas, oriundos das cidades de Arroio do Sal, Canoas, Viamão, Estrela, Porto Alegre, Novo Hamburgo, Santa Maria e Bom Retiro do Sul, foi a etapa do estadual que reuniu o maior número de atletas que pontualmente começaram as disputas nas duas canchas do Clube Braço Forte.
A abertura foi realizada pelo sr. Davi Oliveira, presidente da Federação Gaúcha de Bocha(FGB), seguindo a fala do sr. Walques Batista presidente da Confederação Brasileira de Bocha e Bolão(CBBB), finalizando a abertura com a palavra do sr. Valmir Danielli, diretor da CBBB.
Os clubes presente no evento eram Associação de Servidores da Área de Segurança Portadores de Deficiência (ASASEPODE), Porto Alegre, do Clube Cruzeiro do Sul – Santa Maria, do Clube Independente – Porto Alegre, Associação dos Lesados Medulares(LEME) de Novo Hamburgo e da Sociedade Amigos de Areias Brancas (SAAB), Arroio do Sal.
Cada vez mais fica claro que a nova modalidade destinada a atletas com deficiência locomotora, a bocha em cadeira de rodas vai crescer muito em nosso estado. Esta modalidade de esporte pelas suas características de integração e colaboração, não exige equipamentos especiais, tanto em equipe como individual, o que nos motiva a praticar por qualquer pessoa de qualquer idade.
As disputas seguem as regras da Confederação Brasileira de Bocha e Bolão, (CBBB), e em competições, a cancha mede 26.5m de comprimento por 4m de largura.
Classificação do Campeonato Estadual de Bocha em Cadeira de Rodas – Carlos Barbosa 2015 estará disponível no site da Federação Gaúcha de Bocha(FGB).
Em breve informaremos a realização de mais uma Taça de Bocha em Cadeira de Rodas, na primeira cancha inclusiva aqui em Porto Alegre.

-- 
"Quando se quer, tudo é possível."











https://www.facebook.com/rotechild.prestes/posts/10203800511891702?pnref=story

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Senado aprova Lei de Inclusão da Pessoa com Deficiência

O Plenário do Senado aprovou há pouco da proposta da Lei de Inclusão da Pessoa com Deficiência (PLS 6/2003). O texto examinado é um substitutivo da Câmara a projeto do senador Paulo Paim (PT-RS) apresentado em 2003.
O relator da proposta, Romário (PSB-DF), disse que o texto da Câmara poderia até ser aperfeiçoado, mas ressaltou que a proposta tramita há 12 anos no Congresso, tempo em que muitos dos seus benefícios já poderiam estar garantidos às pessoas com deficiência.
O voto do senador é pela aprovação do substitutivo da Câmara com emendas de redação. Ele se emocionou a mencionar a filha Ivy, que tem Síndrome de Down, e avaliou que o projeto garante dignidade às pessoas com deficiência.
Em seguida, o autor da proposta, Paulo Paim, subiu à tribuna para enumerar os avanços proporcionado pelo projeto, como a garantia de auxílio para as pessoas com deficiência. Ele também lembrou de uma de suas irmãs, Marlene, que era cega.
http://www12.senado.gov.br/noticias/materias/2015/06/10/senado-vota-lei-de-inclusao-da-pessoa-com-deficiencia


Inmetro proíbe cadeira de transbordo para acessibilidade em ônibus rodoviários

Na imagem, pessoa com deficiência desembarcando utilizando a cadeira de transbordo em um ônibus. Foto em preto e branco. Sob a imagem, a letra x em vermelho.
Cadeira de transbordo é proibida.
Inmetro elimina cadeira de transbordo para acessibilidade em ônibus rodoviários
Veículos deverão ter elevadores para cadeira de rodas
ADAMO BAZANI – CBN
A partir do dia 31 de março de 2016, nenhum ônibus rodoviário no País poderá ser comercializado com as cadeiras de transbordo destinadas a portadores de deficiência.
Este sistema obriga os motoristas e demais funcionários a carregarem nos braços as cadeiras com os passageiros.
Portaria número 269, do “Inmetro – Instituo Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia” determina que no lugar da cadeira, considerada pouco prática e insegura pelo órgão, seja instalado um elevador para cadeira de rodas, como nos ônibus urbanos.
As regras valem também para ônibus turísticos e ônibus de fretamento contínuo.
Já os ônibus de dois andares (double decker) que possuem piso baixo e rampa estão fora da obrigação dos elevadores.
A portaria também obriga as encarroçadoras a se adaptarem. Confira:
Art. 1° Determinar que, a partir de 31 de março de 2016, ficará proibida a utilização da cadeira de transbordo para embarque e desembarque de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, na comercialização de veículos acessíveis, de características rodoviárias, destinados ao transporte coletivo de passageiros. Art. 2° Determinar que todos os veículos acessíveis, de características rodoviárias, destinados ao transporte coletivo de passageiros, abrangidos pela Portaria Inmetro nº 152/2009, comercializados a partir de 31 de março de 2016, deverão possuir como único meio de embarque e desembarque de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, a plataforma elevatória veicular certificada por Organismo de Certificação de Produto (OCP), estabelecido no país e acreditado pelo Inmetro. Parágrafo único. Os ônibus de 02 (dois) andares (dobledeck), que possuírem piso baixo, rampa de acesso e acomodação para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida no primeiro piso, estão excluídos da necessidade quanto à instalação da plataforma elevatória veicular. Art. 3° Determinar que ficará sob a responsabilidade da Agência Nacional de Transportes Terrestres – ANTT e/ou dos órgãos gestores do transporte coletivo de passageiros, estabelecer o percentual de veículos acessíveis de características rodoviárias destinados ao transporte coletivo de passageiros, sob o regime de fretamento e turismo, que deverão ser equipados com plataforma elevatória veicular. Art. 4° Determinar que os encarroçadores dos veículos acessíveis, de características rodoviárias, destinados ao transporte coletivo de passageiros deverão adequar o layout interno destes veículos e instalar os mecanismos e/ou dispositivos necessários para a locomoção e acomodação segura de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, considerando os tipos existentes de deficiência e suas limitações físicas e operacionais, em cumprimento ao estabelecido no Regulamento de Avaliação da Conformidade para Fabricação de Veículos Acessíveis de Características Rodoviárias para Transporte Coletivo de Passageiro, aprovado pela Portaria Inmetro n° 152/2009. Art. 5° Determinar que a utilização de outros equipamentos e dispositivos para embarque e desembarque de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, nos veículos acessíveis, de características rodoviárias, destinados ao transporte coletivo de passageiros, poderá ser considerada, desde que sejam submetidos à avaliação técnica pelo Inmetro, com foco na segurança, operacionalidade e acessibilidade. Art. 6° Determinar que as infrações aos dispositivos desta Portaria sujeitarão o infrator às penalidades previstas na Lei n.º 9.933, de 20 de dezembro de 1999. Parágrafo único. A fiscalização observará o prazo estabelecido nos artigos 1º e 2º desta Portaria. Art. 7º Cientificar que a Consulta Pública que originou este Instrumento Legal ora aprovado foi divulgada pela Portaria Inmetro nº 450, de 03 de outubro de 2014, publicada no Diário Oficial da União de 06 de outubro de 2014, seção 01, página 81. Art. 8° Cientificar que ficam mantidas as demais disposições contidas na Portaria Inmetro n° 152/2009. Art. 9º Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial da União.

COEPEDE/RS lança site institucional






O Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa com Deficiência ( COEPEDE/RS) lançou hoje (02) o site institucional com serviços e informações de interesse aos PCDs. O Secretário da Justiça e dos Direitos Humanos sugeriu que o site seja uma ferramenta de ação social com informações e serviços. César Faccioli propôs, também, um espaço onde as secretarias do estado informem sobre seus programas destinados às pessoas com deficiência, muitos dos quais desconhecidos da .......

http://www.coepede.rs.gov.br/conteudo/1087/coepede-rs-lanca-site-institucional

AÇÃO GLOBAL no Cat Cachoeirinha.


APCD-BR ( Associação de Pessoas Com Deficiência de Barra do Ribeiro).

Medida Certa aconteceu hoje pela manhã em Porto Alegre.

Medida Certa aconteceu hoje pela manhã em Porto Alegre.

Palestra aborda o tema mercado de trabalho para pessoas com deficiência.

Palestra em IVOTI, abordando o tema mercado de trabalho para pessoas com deficiência.

Drª Ana Costa Palestra em IVOTI, abordando o tema mercado de trabalho para pessoas com deficiência.
São atitudes como essa que fazem a DIFERENÇA.
Evento organizado pela APAE com a participação expressiva de pessoas com deficiência intelectual, seus familiares. 
Além dos profissionais da APAE também estiveram presentes os representantes da Educação Especial, CRAS , SENAI e empresas.
Parceria selada. Muito feliz com o encontro. Obrigada pela acolhida e presentes!
Esse trabalho junto as comunidades nos mostra a importância de um trabalho em rede. Sempre pela inclusão e pela igualdade de oportunidades!

https://www.youtube.com/watch?v=CkNcK7pt6Qo&feature=youtu.be

Núcleo de Assessoramento em Convênios e Projetos/FADERS


Faders Acessibilidade e Inclusão cria Núcleo de Assessoramento em Convênios e Projetos
Estimular entidades, órgãos municipais e o terceiro setor a desenvolver e participar de projetos sociais e convênios. Este é o objetivo do Núcleo de Assessoramento em Convênios e Projetos (NASCONP), criado pela Faders Acessibilidade e Inclusão.
O presidente da Faders Acessibilidade e Inclusão, Roque Bakof, idealizador e incentivador da criação deste núcleo, salienta que este será um espaço aberto para assessoramento e orientação a toda sociedade civil. “Com o núcleo percebo que não só a Faders poderá ampliar o acesso à convênios, mas também todas as entidades e órgãos públicos ligados as políticas para as pessoas com deficiência e altas habilidades no Estado”, destaca Bakof.
De acordo com o coordenador do NASCONP, Tarcízio Cardoso, o núcleo oportunizará o assessoramento de convênios internos, de execução da fundação, bem como os projetos sociais que venham a ser subsidiados pela iniciativa pública ou privada (entidades, órgãos municipais, instituições do terceiro setor e demais entes) relacionados com as políticas e atendimentos das pessoas com deficiências. "A Faders Acessibilidade e Inclusão, através do núcleo fará a divulgação de projetos para PcDs e instituições que executam políticas e atendimentos para o segmento. Fará o assessoramento orientando, aproximando e articulando com todas as partes interessadas, buscando a eficácia para melhoria contínua da qualidade de vida e garantia dos direitos das pessoas que mais precisam", esclarece Tarcízio.
Informações e contatos com o Núcleo de Assessoramento em Convênios e Projetos (NASCONP) podem ser feitos pelo telefone (51) 3287-6512 e e-mail faders@faders.rs.gov.br
Fonte: ASCOM/Faders Acessibilidade e Inclusão

10ª Jornada Saúde e Movimento com enfoque no Esporte Paralímpico.

SMEL promove 10ª Jornada Saúde e Movimento
A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria do Esporte e Lazer (SMEL), em parceria com o Comitê Paralímpico Brasileiro e a Universidade de Caxias do Sul, promove no mês de junho, a 10ª Jornada Saúde e Movimento. O evento tem como objetivo oportunizar a construção de conhecimentos teóricos e práticos de atividades físicas voltadas às pessoas com deficiências. A série de palestras também busca mobilizar os professores, estudantes e profissionais da área, sobre a importância de atividades esportivas e de lazer para pessoas com deficiência.
O evento deste ano terá um enfoque no Esporte Paralímpico, ampliando o conhecimento profissional e contribuindo para a consolidação de uma cultura paradesportiva na nossa cidade, indo ao encontro da realização dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de 2016 no Brasil.
As capacitações também envolvem as atividades de lazer de dança e fusen, estimulando a atuação de futuros profissionais de educação física neste segmento do esporte e lazer.
O prazo para inscrições segue até o dia 09 de junho. Os inscritos vão poder participar de oficinas e também de palestras. Os participantes que obtiverem 75% de presença recebem certificado. Para os participantes de fora do município haverá disponibilidade de alojamentos.
Confira a programação completa:
Dia 16 de junho, terça-feira:
PALESTRAS:
8h30min às 11h30min: Movimento Paralímpico Brasileiro: Organização e Administração do Esporte Paralímpico no Brasil e no Mundo - Prof° Dr° Alberto Martins da Costa, coordenador da Academia Paralímpica Brasileira.
14h às 18h: Etiologia das Deficiências e Aspectos Gerais da Classificação Funcional nas Modalidades Paralímpica - Profª Drª Patricia Silvestre de Freitas, classificadora Internacional de Altetismo do CPB e Prof° Dr° Alberto Martins da Costa.
20h às 22h: Rio 2016: Expectativa Paralímpica Brasileira - Prof° Esp. Edilson Rocha, diretor técnico do CPB e chefe da Delegação Paralímpica Brasileira.
Dia 17 de junho, quarta-feira:
OFICINAS:
8h30min às 12h e das 13h30min às 17h30min: Atletismo Paralímpico - Profª Ms. Rosicler Ravache (CPB)
8h30min às 12h e das 13h30min às 17h30min: Festival Inclusivo de FUSEN - Vôlei de Balões Prof° Esp. Leandro Adami Gregoletto (SMEL)
13h30min às 17h30min: Natação Paralímpica - Profª Ms. Renata Ramos Goulart (UCS)
13h30min às 15h30min: Dança Integrada - Profª Drª Magda Amabile Biazus Bellini (UCS) ­­­

Bonecas com deficiências são lançadas após campanha nas redes sociais por diversidade

Depois que uma campanha por maior diversidade na indústria de brinquedos se tornou viral em redes sociais com a hashtag “#ToysLikeMe” (brinquedos como eu, em tradução livre), um fabricante de brinquedos britânico criou uma nova linha de bonecos com deficiência.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/sociedade/bonecas-com-deficiencias-sao-lancadas-apos-campanha-nas-redes-sociais-por-diversidade-16170042#ixzz3ci92tyKD 
 


sábado, 16 de maio de 2015

Paradesporto terá núcleo estadual na Faders




Profissionais investindo no Turismo e Esporte de Aventura do RS

Profissionais investindo no Turismo e Esporte de Aventura do RS 

Câmara Técnica Turismo e Esportes de Aventura , trabalha na discussão de formas e maneiras de inserir maior número de pro fissional de Educação Física neste segmento , mapeamento das modalidades que são desenvolvidas atualmente no Rio Grande do Sul, politicas publica , parcerias com entidades do turismo,agencias de viagem,empresas, municípios... . Ainda em fase de criação, a Câmara Técnica está aberta à participação de todos os interessados pelo tema.
"Temos que trazer pessoas entendidas sobre o assunto para a Câmara".

DIA NACIONAL DO GUIA DE TURISMO

DIA NACIONAL DO GUIA DE TURISMO
A zona rural de Porto Alegre ainda não é totalmente conhecida pelos porto-alegrenses, mas sim pelos turistas que visitam a nossa cidade.
Ainda hoje, quando falo aos meus amigos que passei o final de semana hospedado em uma das pousadas rurais, tomei café campeiro, fiz vôo duplo de parapente, cavalguei sob a luz da lua cheia, naveguei pelo lago do Guaíba, trilhei com uma amiga em cadeira de rodas pelo parque Natural do Morro do Osso, tomei banho em uma das três cascatinhas do Morro São Pedro – onde podemos contemplar o maior campo granítico e a maior concentração de bugios da cidade, vejo o olhar incrédulo que quer dizer: isso existe? É em Porto Alegre mesmo?
Não paro por ai; almocei em umas das melhores cantinas da cidade, onde pude colher as uvas e provar o vinho tipo exportação, não devendo nada aos vinhos da serra gaúcha.
No final do meu roteiro rural, passei na serrinha de Porto Alegre, localizada no bairro Belém Velho, onde comprei uvas, pêssegos, hortaliças e verduras. Nessa região onde se respira o ar da serra, ainda um dia irei ver ali uma aldeia do Papai Noel.
Pois é, tudo isso está na zona rural da nossa bela Porto Alegre, um dos destinos turístico nacionalmente reconhecido denominado Caminhos Rurais, que resgata as origens e nos oferece vivências inesquecíveis de turismo sustentável.
Porto Alegre Rural. Tudo isso tem lá!!!
Parabéns a todos nós GUIAS DE TURISMO.

Caminhada pela Educação - SENAC













judo paralimpico